Blog  ·  07/04/2020

Materiais não indicados para utilização nas máquinas laser

Materiais não indicados para utilização nas máquinas laser

Aqui no Blog da Due já fizemos um post sobre materiais adequados para máquina a laser, mas é importante também saber quais são os materiais não indicados para utilização nas máquinas laser.

Máquinas laser são equipamentos que utilizam um feixe de luz focado em um ponto muito pequeno, concentrando uma grande quantidade de energia numa área reduzida. Dessa maneira elas conseguem cortar e marcar materiais. Basicamente, o laser “queima” este material para realizar as operações. Isso pode gerar gases nocivos ou chamas.

Por isso é importante nunca deixar as máquinas laser operando sem supervisão e seguir as normas de  normas de segurança de cada fabricante. Além disso, é essencial saber os materiais que podem ou não ser utilizados.

O primeiro passo é verificar a composição do material. Se o mesmo gera gases tóxicos, corrosivos, e que não ofereçam nenhum risco de incêndio.

Exemplo de materiais não indicados para utilização nas máquinas laser

  • Material à base de cloro, como o Vinil e o PVC, não podem ser cortados por produzirem um vapor de gás clorídrico, que é nocivo a máquina e às pessoas.

  • Materiais que contêm uma alta proporção de cola (como o painel de partículas ou reagentes químicos).

  • Corino ou couros sintéticos que tenham grandes quantidades de cloro na sua composição.

  • Espumas que são altamente inflamáveis.

Existem ainda materiais que não podem ser cortados ou marcados dependendo do tipo do laser utilizado. Ou seja, não geram gases nem chamas, mas o laser não tem capacidade para cortar ou marcar o material. Por exemplo a Due Flow utiliza um laser de CO2.

A tabela abaixo mostra os materiais que não podem ser utilizados no laser ou que podem ser apenas marcados mas não cortados.

Material Corte Marcação
Cerâmica   x
Vidro   x
Pedra   x
Espuma Inflamável    
Espelho   x
Vinil    
Corino / Couro Sintético    
Metais em geral    
PVC    

 

Metais são outra classe de materiais que normalmente não são marcados utilizando-se um laser de CO2 (existem aditivos que tornam possível a marcação de aço inox, mas são de operação complexa e demorada). O laser indicado para este caso é o laser de Fibra. 

Além de olhar a composição do material, deve-se fazer teste do material, antes de colocá-lo em uso. Caso tenha dúvidas se o material desejado pode ser usado nas máquinas o ideal é questionar o fabricante.

 Para maiores dúvidas e esclarecimentos, entre em contato com a nossa equipe e acompanhe nossas redes sociais: Instagram, Facebook e Youtube.

POSTS RELACIONADOS